O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM O BRASIL?

 

Raymond de Souza

    

     Aqui nos Estados Unidos, onde vivo, tenho recebido notícias alarmantes a respeito da perda das liberdades constitucionais em meu país de nascimento. Embora não se use a palavra, vejo que a noção do antigo "apartheid' da África do Sul está sendo imposta no país de maior miscigenação racial no mundo!

     Quem está governando o Brasil? Mudou o presidente e eu não fiquei sabendo? Será o Castro, Chávez ou Morales? Ainda tem gente sã da cabeça no Palácio do Planalto? Ou se trata de um plano ideológico do governo do PT para servir a causa conjunta da Venezuela, Bolívia e Cuba? Alguém pode me explicar o que é que está acontecendo?    

Escola indígena em Roraima. Miscigenação racial e acesso à civilização e cultura é a verdadeira solução. Confinar índios em reservas onde branco não entra e índio não sai da vida primitiva, é cruel regime de "apartheid".

       * Que corrente da esquerda “comuno-católica” é essa que deseja criar "nações indígenas" dentro do Brasil?  

     * E por que órgãos da Igreja Católica (o CIMI e a Pastoral da Terra) a apóiam?      

     * E como é que essas ONGs estrangeiras de inspiração comunista e verde conseguiram que o Governo brasileiro criasse nos últimos 15 anos reservas indígenas onde os brasileiros comuns não podem entrar, e onde as terras ficam em poder do Estado, como nos países comunistas? O que é isso, gente? 

     Pergunto: quem é que vê melhor, quem está dentro ou quem está fora da poeira? Do exterior qualquer um que não seja bitolado pode ver  um perigo para a soberania nacional do Brasil, pois essas terras tem demarcações contínuas em áreas de fronteira, onde está proibido o desenvolvimento chegar, não se pode plantar nem ter áreas para o gado. Por fim, as proporções desta área coletivizada é imensa: 113 milhões de hectares, para cerca de 300.000 habitantes indígenas!!!

     Isso é "apartheid", gente, e do pior tipo. "Apartheid" comunista. Sei o que estou falando porque vivi por quatro anos na África do Sul no tempo do "apartheid", e fui testemunha ocular de como a coisa funcionava.

     Informações de fontes seguras me chegam ao conhecimento, de que a Reserva Raposa Serra do Sol em Roraima é uma dessas reservas imensas, na fronteira com a Colômbia e a Venezuela. Alguns fazendeiros gaúchos foram para lá há mais de 20 anos e abriram plantações de arroz que são modelos para o Brasil. Agora, o Governo Lula quer retirá-los à força, e houve uma tentativa de expulsão deles com força policial e sem mandato judicial, pois a decisão está pendente no Supremo Tribunal Federal.

No mapa, em cores, as áreas em Roraima já demarcadas, em demarcação ou a serem demarcadas para reserva indígena

As mesmas áreas das reservas indígenas são riquíssimas em minérios de grande importância

 

     Os arrozeiros dizem que a terra é deles e não podem ser expulsos sem a devida indenização. Ademais, o Governo do Estado de Roraima, que precisa dessa produção de arroz (equivalente a 7% do PIB do Estado) também está contra a  decisão do Governo Lula.

O Governador de Roraima afirmou que a política indigenista do governo federal é "caótica, incoerente e irresponsável"

      Se a demarcação for homologada, importante parcela do território de Roraima será engolida pelas reservas indígenas. Denúncias sérias indicam que há mais de 2.000 ONGs trabalhando nas áreas indígenas, para criar as "nações indígenas", que teriam um Governo próprio reconhecido pela ONU. Seria o fim do Brasil que todos conhecemos.    

   Para onde vocês estão indo, gente? Será que estão indo rumo a um "apartheid" comunista com as táticas nazi-soviéticas do Governo do Lula? Vocês são os que vão sofrer sob o estado-polícia, porque os tentáculos da lula esquerdista estão estrangulando a nação. Os seus filhos é que vão herdar a miséria e o estado-polícia.  

     Escrevam para os seus deputados, senadores, padres, bispos. Falem, telefonem, reclamem, mas sobretudo, lembrem-se: para que a gente ruim tenha successo, só é preciso que a gente boa não faça nada!

     _________

      Raymond de Souza é brasileiro de nascimento, cidadão australiano e residente nos Estados Unidos. É Diretor de Programações para os países de língua portuguesa para o movimento Human Life International, que conta com afiliados em mais de 80 países. É também apresentador de programas educativos na maior cadeia de televisão católica do mundo, a EWTN. Conferencista de renome mundial, é editor do site www.SaintGabriel.com.au

 

     _________